Responsabilização de Empresas


A responsabilização de empresas é mais uma arma no combate à corrupção, permitindo a punição, em outras esferas além da judicial, de pessoas jurídicas que corrompam agentes públicos, fraudem licitações e contratos ou dificultem atividade de investigação ou fiscalização de órgãos públicos, entre outras irregularidades.

Com a Lei nº12.846/2013, também conhecida como Lei Anticorrupção, o Brasil deu um importante passo ao prever a responsabilização objetiva, no âmbito civil e administrativo, de empresas que praticam atos lesivos contra a administração pública nacional ou estrangeira.

Nesta seção, saiba mais sobre a Lei Anticorrupção, os cadastros nacionais de empresas e os programas de integridade (compliance).

Nova Seção

Ferramenta

CEIS

Administração

Noticias

CGU e AGU celebram acordo de leniência com a Braskem S.A.

Acordo finaliza o processo de responsabilização da empresa. Valor global a ser ressarcido é de R$ 2,87 bilhões

CGU notifica Telefônica Brasil S.A. sobre acordo firmado com autoridades americanas

Investigação tem por base a Lei Anticorrupção, que prevê penalidades a empresas pela prática de atos contra a administração pública, nacional e estrangeira

CGU pune Techint Engenharia e Construção S/A com declaração de inidoneidade

Empresa fraudou licitações na Petrobras e pagou propina a agente público. Decisão é a décima penalidade aplicada no âmbito da Operação Lava Jato